Ciência ou Arte? Belas ilustrações de animais de 170 anos atrás

Publicado em 1844, o "Atlas de Zoologie" contém ilustrações de várias criaturas, algumas das quais já não andam neste planeta. Entre essas criaturas está o lobo-da-tasmânia (marsupiais carnívoros listrados que foram extintos quando a última espécie conhecida morreu em um zoológico da Tasmânia em 1936).

0
155
O agora extinto pássaro Dodo, um antigo habitante da ilha Maurícia. (Biodiversity Heritage Library)
Thylacine, um marsupial carnívoro que está extinto desde 1936. (Biodiversity Heritage Library)
Algo parecido com um fennec fox (descrito como um “cão de orelhas grandes”) e algo parecido com uma hiena. (Biodiversity Heritage Library)
Um kiwi (Apteryx) da Nova Zelândia. Estas aves têm a maior proporção de peso corporal. (Biodiversity Heritage Library)
Cynogale bennettii (em cima), uma lontra civet e Bassariscus sp, um gato de cauda anelada. (Biodiversity Heritage Library)
Macroscelides typus, agora conhecido como M. proboscideus, o musaranho-elefante-de-orelha-curta. (Biodiversity Heritage Library)
Semnopithecus sp, um langur do Velho Mundo. (Biodiversity Heritage Library)
Phascolarctos cinereus, um coala (em cima) e Dasyure sp, um rato marsupial de pêlo curto. (Biodiversity Heritage Library)
Os pássaros Hoatzin pareciam um tipo de dinossauro. (Biodiversity Heritage Library)
Euryceros prevostii, um pássaro de aparência bizarra que também é conhecido como Helmet Vanga. (Biodiversity Heritage Library)
Epimachus sp, uma ave-do-paraíso. (Biodiversity Heritage Library)
Cacicus montezuma, também conhecido como Oropendola de Montezuma – um pássaro com algumas das vocalizações mais deliciosas que já existiram. (Biodiversity Heritage Library)
Lepidosiren paradoxa, respira ar e parece uma enguia com pequenas pernas de nadadeira. (Biodiversity Heritage Library)

Você pode ver e baixar o volume inteiro aqui, da Biblioteca de Patrimônio da Biodiversidade, que mantém uma enorme coleção digital.

CONTINUAR LENDO