Uma missão espacial futura levará restos mortais humanos à Lua

0
183
Crédito: Astrobotics.

Por Dan Robitzski
Publicado no Futurism

Local de sepultamento

No próximo ano, uma espaçonave levará cápsulas de restos mortais humanos à superfície da Lua, onde serão deixadas por lá como uma nova forma de “memorial orbital”.

A empresa de memorial orbital Celestis planeja lançar sua missão Luna 02 em um voo da NASA em julho de 2021 para uma região da Lua chamada – apropriadamente – Lacus Mortis, de acordo com o Space. Cinzas humanas e amostras de DNA estarão nas cápsulas – um aspecto futurístico para homenagear os mortos à medida que as viagens espaciais se tornam mais comuns.

Voo lotado

Restos mortais de cientistas famosos, professores e até mesmo de Arthur C. Clarke – o autor de ficção científica que escreveu os livros “Odisseia no Espaço“, um dos quais foi adaptado para o filme “2001: Uma Odisseia no Espaço” de 1968 -, estarão todos pegando uma carona na Luna 02, como relatou o Space.

Outros passageiros notáveis ​​incluem Mareta West, a falecida geóloga que ajudou a escolher o local de pouso para a primeira missão lunar tripulada. Mas, além das celebridades lunares, qualquer pessoa disposta a pagar pela passagem de US$12.500 também pode ser capaz de homenagear seus entes queridos.

Memorial duradouro

No passado, a Celestis até mesmo lançou em órbita os restos mortais cremados de um gato chamado Pikachu, e outras empresas, incluindo a Elysium, enviaram restos humanos para orbitar a Terra em um CubeSat. Para o CEO da Celestis, Charles Chafer, o novo serviço é uma forma de expandir a cultura humana em todo o cosmos.

“Nossa missão Luna 02 e subsequentes missões Luna da Celestis homenageiam aqueles que desejam fazer uma contribuição tangível para a exploração contínua da humanidade e utilização pacífica do espaço”, disse Chafer ao Space. “À medida que a humanidade se expande além dos limites de um único planeta, é particularmente apropriado que carreguemos nossos rituais, celebrações e memoriais conosco”.