A pareidolia em imagens da NASA

1
5031
O par de galáxias Antennae se parece com a forma de um crânio. Este é mais um exemplo de pareidolia encontrado em imagens do espaço.

Artigo traduzido e originalmente publicado no site ListVerse.

Você sempre olha para as nuvens e vê um coelho ou um cachorro? Ou quando torra um pedaço de torrada você vê o rosto parcialmente queimado de Jesus olhando para você? Esta experiência bizarra é chamada de pareidolia – um fenômeno psicológico em que a visão ou o som provoca algo em seu cérebro, persuadindo-o a achar que o que você ouve ou vê é algo reconhecível. Há muitos exemplos de pareidolia no espaço e com nossos robôs, naves espaciais e telescópios tirando mais e mais imagens, nós estamos descobrindo mais casos de pareidolia no espaço diariamente. Aqui estão sete dos exemplos mais impressionantes:

 

1) A face de Marte

pio_med

Em 25 de julho de 1976, a NASA publicou uma série de imagens tiradas pela sonda Viking. Estas imagens retratam a região de Cydonia em Marte. A primeira imagem mostrou o que parecia ser um rosto humano olhando para o céu. Esta foi originalmente rejeitada como um truque de sombreamento sobre as rochas marcianas; uma imagem posterior, no entanto, da mesma forma mostrou o que se tornaria conhecido como ”A Face em Marte”, mesmo com o Sol em um ângulo diferente.

Estas imagens provocaram décadas de especulações sobre a possibilidade de vida em Marte, gerando conversas sobre civilizações avançadas que podem ter deixado para trás gigantes memoriais humanoides no planeta. 20 anos depois, no entanto, Marte foi visitado por mais de três naves espaciais que orbitaram o planeta e tiraram mais imagens de maior resolução. Estas imagens de melhor qualidade provaram que o que parecia ser uma estátua gigante de um rosto humano era simplesmente uma montanha marciana normal, que, quando vista com sombreamento e iluminação corretos, causava a pareidolia na mente dos observadores.

2) Mão no Espaço

hand-in-space-sign-of-imam-mahdi

Um dos mais belos exemplos de pareidolia do espaço profundo é a imagem tirada do pulsar PSR B1509-58. A imagem de 150 anos-luz mostra também uma grande nebulosa, em foto capturada pelo Observatório de raios-X Chandra. A rotação rápida da estrela de nêutrons, ou pulsar, é de apenas 12 milhas através da nebulosa, com o poder suficiente para torcer e esculpir o espaço ao redor desta em uma bela mão como podemos ver na foto. Esta mão parece estar quase chegando a tocar o próprio espaço.

 3) Elefante marciano

Screen-Shot-2013-06-09-at-7.43.51-PM

Marte é o lar de muitos exemplos de pareidolia, em grande parte devido ao fato de que – como a Lua – é altamente fotografada. Outro exemplo é a “Cara do elefante”, que se assemelha a uma cabeça de elefante no perfil, com um olho e uma tromba alongada de elefante. A imagem foi tirada pela sonda Mars Reconnaissance Orbiter, e tinha a intenção de capturar um fluxo de lava em Elysium Planitia.

4) Nebulosa Cabeça de Cavalo

ic434_mtm

Um dos exemplos mais antigos e familiares de pareidolia no espaço é a Nebulosa Cabeça de Cavalo, ou Barnard 33, uma nuvem fria e escura de poeira e gás. Localizado na constelação de Orion, ela parece ser uma vista lateral de uma cabeça de cavalo.

Observada primeiramente em 1888, fica a 1.500 anos-luz da Terra. A sombra escura da nebulosa é feita por poeira, mas na base da nebulosa você pode ver pontos brilhantes que são jovens estrelas em formação. A estrela brilhante apenas visível na parte superior esquerda da cabeça de cavalo é uma jovem estrela ainda incorporada no berçário estelar de gás e poeira. A radiação a partir desta jovem estrela é tão poderosa que ele está começando a corroer a nebulosa – para que, milhões de anos no futuro, a Nebulosa Cabeça de Cavalo não possa ter qualquer semelhança com sua forma atual.

5) A sereia marciana

Screen-Shot-2013-06-09-at-7.47.06-PM

Outro exemplo recente de pareidolia em Marte envolveu uma figura semelhante à humana. Seria uma sereia marciana, sentada em uma pedra com a cauda colocada para fora? A imagem original foi tirada pelo rover Mars Spirit sobre a superfície de uma região de colinas em planaltos marcianos.

A foto foi responsável por todos os tipos de teorias da conspiração, acusando a NASA de tentar encobrir a prova clara de que existe vida em Marte. De acordo com astrônomos, no entanto, a foto mostra nada além de “uma formação rochosa bizarra esculpida pelo vento.”

Quando visto como parte da imagem completa do rover, você pode ver o quão pequeno a “Sereia de Marte” realmente é: cerca de seis centímetros de altura.

6) Star Wars e Pac Man

Screen-Shot-2013-06-09-at-7.47.48-PM

Mimas, uma das luas de Saturno, já era a famosa dona de um exemplo de pareidolia. Quando a nave espacial Voyager enviou imagens das luas de Saturno no início de 1980, apenas alguns anos se passaram desde o lançamento de “Star Wars Episódio IV: Uma Nova Esperança”. Este filme, como muitos dos leitores saberão, contou com a gigantesca “Estrela da Morte”, com o seu poderoso super laser. Então, quando as pessoas viram as imagens da Voyager de Mimas, pela primeira vez, e em particular a cratera gigante “Herschel”, reconheceram imediatamente a semelhança entre Mimas e A Estrela da Morte.

Mas Mimas teve um segundo exemplo de pareidolia reservado para os seres humanos, este ainda mais estranho do que o primeiro. Quando a nave espacial Cassini orbitou Mimas em 2010, usou um espectrômetro infravermelho termal para mapear o planeta em infravermelho. O que os cientistas viram nas imagens deixaram-os perplexos, sendo instantaneamente reconhecido pelos cidadãos comuns como uma representação gigante do jogo Pac Man.

As manchas amarelas do mapa colorido têm a mais alta temperatura da superfície, e suas manchas azuis têm o menor. Os cientistas ficaram perplexos porque esperavam as temperaturas mais altas para ser ao longo do equador da Lua, onde o Sol estava brilhando diretamente sobre Mimas quando Cassini voou. Em vez disso, Mimas provou mais uma vez que as luas do nosso Sistema Solar são fascinantes por conta própria – pois exatamente o oposto foi encontrado para ser verdade.

Os cientistas especulam que os resultados estranhos podem ter sido causados por diferentes densidades no gelo que cobrem a superfície da lua.

7) O roedor marciano

Alien-2-UFO-UFOs-sighting-sightings-space-nasa-esa-top-secret-Angelina-Jolie-Justin-Bieber-news-world-paranormal-astronomy-biology-science-life-dna-animal-rodent-mouse-rat-Mars-Curiosity-rover

O rover Curiosity tirou uma fotografia do terreno marciano, e alguém com muito tempo livre encontrou o que parece ser um rato de cauda longa. Há água suficiente em Marte para sustentar animais de pequeno porte? É possível que um rato, similar ao nosso, poderia evoluir e viver em Marte? Ou é apenas o caso de que a NASA está secretamente transportando roedores a bordo dos rovers para que eles possam ser deixados para uma futura “descoberta”, e, portanto, garantir financiamento do governo? Não, nada disso. É apenas uma rocha entre muitas outras do planeta vermelho.

Créditos das fotos: ListVerse.

Fonte (em inglês): 10 Astounding Examples of Pareidolia In Outer Space.

CONTINUAR LENDO