Composto promissor no tratamento de diabetes

0
92
Crédito: Getty Images.

As doenças metabólicas, incluindo diabetes são situações com vulnerabilidade genética envolvidas com grande parte da mortalidade no mundo.

A elafina é uma proteína que inibe a protease específica da elastase (6 kDa) humana e tem propriedades antimicrobianas. Essa proteína é encontrada principalmente em células imunes, trato intestinal, vagina, pulmões e pele.

O artigo publicado na Scientific Reports, conduzido por cientistas da Universidade da Califórnias, EUA, teve como objetivo analisar uma possível relação da elafina com diabetes.

Este estudo foi um estudo prospectivo. Os pacientes foram divididos em grupos não diabéticos, pré-diabetes e diabéticos, usando os critérios da American Diabetes Association. O laboratório de patologia da Universidade da Califórnia coletou sangue dos pacientes e preparou os soros por centrifugação, seguindo seus procedimentos operacionais padrão. Os critérios de inclusão foram indivíduos com 20 a 70 anos de idade. Foram excluídas gestantes, reclusos ou menores de 18 anos. Foram excluídos pacientes com diabetes mellitus tipo 1 (DM1).

Foram coletados tecidos gordurosos mesentéricos humanos de pacientes não diabéticos.

Foram analisados camundongos também. Os ratos foram alimentados com dieta regular (6% de gordura), dieta rica em gordura (45% Kcal de gordura) ou com dieta de colesterol alto (dieta com 2% de colesterol) à vontade. Os camundongos deficientes em leptina foram alimentados com ração regular. Todos os camundongos foram randomizados e alocados a cada gaiola (4 camundongos por gaiola).

A pesquisa foi a primeiro a demonstrar os níveis reduzidos de elafina em circulação em homens com diabetes tipo 2. A razão por trás da diferença de sexo nos níveis séricos de elafina em pacientes não diabéticos e pré-diabéticos é desconhecida. Curiosamente, um estudo anterior indicou que o hormônio sexual feminino (estradiol) suprimia a secreção de elafina nas células epiteliais da vagina humana. Trata-se de uma hipótese a ser levantada.

Este estudo também ilustrou a regulação dependente de elafina no consumo de alimentos através do sistema imunológico em camundongos. Os autores especulam que os níveis reduzidos de elafina em homens com diabetes tipo 2 são causados ​​pela expressão reduzida de elafin nas células do sistema imunológico. Portanto, os resultados apontam que a elafina pode ser um alvo para tratamento de diabetes.

Referência

CONTINUAR LENDO