Eis o som de um buraco negro, de acordo com a NASA. Sim, é assustador

0
239
(Créditos: Pixabay/CC0 Domínio Públicos)

Traduzido por Julio Batista
Original de Marina Pitofsky para o Phys.org

A NASA semana passada compartilhou um clipe de áudio nas mídias sociais que permite “ouvir” um buraco negro.

Nenhuma surpresa, o som é aterrorizante.

A NASA Exoplanets, uma equipe da agência focada em planetas e outras informações fora do nosso Sistema Solar, twittou o clipe de 34 segundos no domingo e disse que é um “equívoco” dizer que não há som no espaço.

Mas eles explicaram que “um aglomerado de galáxias tem tanto gás que captamos o som real. Aqui é amplificado e misturado com outros dados, para ouvir um buraco negro”.

Você não seria capaz de ouvir como um buraco negro realmente soa

A NASA lançou inicialmente a chamada “sonificação” no início deste ano, explicando que os pesquisadores “associaram” o buraco negro no aglomerado de galáxias de Perseu com o som desde 2003.

“Isso ocorre porque os astrônomos descobriram que as ondas de pressão enviadas pelo buraco negro causavam ondulações no gás quente do aglomerado que poderiam ser traduzidas em uma nota – uma que os humanos não conseguem ouvir cerca de 57 oitavas abaixo do dó central”, confirmou a NASA em um comunicado à imprensa.

Os sinais “estão sendo ouvidos 144 quatrilhões e 288 quatrilhões de vezes mais que sua frequência original”, acrescentou a NASA. Isso significa que o som não é exatamente o que você ouviria se estivesse perto do buraco negro – se os humanos fossem capazes de ouvir esse tipo de som.

O aglomerado de galáxias Perseu está a cerca de 240 milhões de anos-luz da Terra.

O clipe de áudio que a NASA twittou esta semana obteve mais de 14 milhões de visualizações na tarde da terça-feira passada, com a maioria dos usuários de mídia social concordando que o áudio é bastante assustador.

Outros acharam o som relacionável ou apropriado à medida que o Halloween se aproxima.