Sol Azul em Erupção

Nosso Sol não é um mirtilo gigante. Nosso Sol pode ser feito para parecer com a pequena fruta, no entanto, pela imagem em uma cor específica de luz ultravioleta extrema chamada CAK emitida por uma quantidade muito pequena de cálcio ionizado na atmosfera do Sol e, em seguida, invertendo a imagem em falsa cor.

Esta representação solar é cientificamente interessante por revelar um nível da cromosfera do Sol parecer bastante proeminente, mostrando uma superfície texturizada rachada, as manchas solares frias aparecem distintamente brilhantes e as regiões ativas quentes ao redor aparecem nitidamente escuras.

O Sol está perto do nível máximo de atividade em seu ciclo de 11 anos, e emitiu chamas poderosas durante a semana passada. Durante os períodos de alta atividade, os fluxos de partículas energéticas do Sol podem afetar na magnetosfera da Terra e dar lugar as espetaculares auroras.

Créditos da Imagem e Direitos Autorais: Alan Friedman (Imagination Averted).

[APOD]

Artigo anteriorReservatório profundo no Canadá tem água de bilhões de anos de idade
Próximo artigoGoogle e NASA se unem para criar computador quântico
Douglas Rodrigues Aguiar de Oliveira
Fundador do projeto de divulgação científica e filosófica Universo Racionalista. Pós-graduação em Ethical Hacking e Cybersecurity do Centro de Inovação VincIT (UNICIV) pela Faculdade Eficaz. Pós-graduação em andamento em Filosofia pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Especialização em Epidemiology in Public Health Practice pela Johns Hopkins University (Coursera Specialization). Especialização em Fundamentals of Computing Network Security pela University of Colorado System (Coursera Specialization). Especialização em Journey of the Universe: A Story for Our Times pela Yale University (Coursera Specialization). Especialização em andamento em Computational Social Science pela University of California, Davis (Coursera Specialization). Graduação em Tecnologia em Redes de Computadores pela Universidade de Franca (UNIFRAN). Graduação em andamento em Tecnologia em Radiologia pela Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Editor-chefe do Instituto Ética, Racionalidade e Futuro da Humanidade. Colaborador da revista cética argentina Pensar, uma publicação da organização internacional Center for Inquiry. Endereço do Currículo Lattes e do Catarse.