Você sabia que somos feitos de poeiras estelares?

"O cosmos está dentro de nós, somos feitos do mesmo material das estrelas. Somos uma maneira do cosmos conhecer a si mesmo."

Os primeiros elementos químicos responsáveis pela vida foram originados a partir da morte de uma estrela, é através da explosão de uma supernova que os elementos químicos necessários surgiram. Os elementos mais comuns, como carbono e nitrogênio, são criados nos núcleos da maioria das estrelas, fundidos a partir de elementos mais leves, como hidrogênio e hélio. Os elementos mais pesados, como o ferro, no entanto, são formados nas estrelas maciças que terminam suas vidas em explosões de supernovas. Elementos ainda mais pesados nascem nas condições extremas da explosão em si. Sem estrelas morrendo, a vida não seria possível.

Nosso sangue tem ferro na hemoglobina, que é vital para a nossa capacidade de respiração. Precisamos de oxigênio em nossa atmosfera para respirar.

Nitrogênio enriquece o solo do nosso planeta. Sem supernovas, podemos ter planetas gasosos, estrelas e galáxias, mas não carros, vacas, planetas sólidos, seres humanos ou qualquer vida. Nós todos somos filhos de explosões de supernovas.

Em um adulto a água representa 60% de seu peso. Supondo que o peso desse adulto seja de 70kg, então ele possui 42kg de água. A proporção em massa de hidrogênio nesse corpo é de aproximadamente 1/15, ou seja, 2,8kg de hidrogênio. Essa massa representa aproximadamente 4% da massa total do corpo (70kg). Ou seja, podemos dizer que 90-95% (considerando variações nos dados) da massa do nosso corpo é poeira estelar de fato.

As proteínas representam, aproximadamente, 30% da massa do corpo. Nesse caso, 21kg. A proporção em massa de hidrogênio nas moléculas de proteínas varia de 5% a 10%, vamos assumir 10%. Então, a massa de proteínas é de 2,1kg. 2,1kg + 2,8kg = 4,9kg. Valor esse que representa 7% do total (70kg). 7%+4% = 11%. Considerando variações nos dados, ainda continuamos com 90-95% de poeira estelar em nosso corpo.

Artigo anteriorIdiocracia – ignorância vs. educação
Próximo artigoPseudociências
Douglas Rodrigues Aguiar de Oliveira
Fundador do projeto de divulgação científica e filosófica Universo Racionalista. Pós-graduação em Ethical Hacking e Cybersecurity do Centro de Inovação VincIT (UNICIV) pela Faculdade Eficaz. Pós-graduação em andamento em Filosofia pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Especialização em Epidemiology in Public Health Practice pela Johns Hopkins University (Coursera Specialization). Especialização em Fundamentals of Computing Network Security pela University of Colorado System (Coursera Specialization). Especialização em Journey of the Universe: A Story for Our Times pela Yale University (Coursera Specialization). Especialização em andamento em Computational Social Science pela University of California, Davis (Coursera Specialization). Graduação em Tecnologia em Redes de Computadores pela Universidade de Franca (UNIFRAN). Graduação em andamento em Tecnologia em Radiologia pela Universidade Nove de Julho (UNINOVE). Editor-chefe do Instituto Ética, Racionalidade e Futuro da Humanidade. Colaborador da revista cética argentina Pensar, uma publicação da organização internacional Center for Inquiry. Endereço do Currículo Lattes e do Catarse.